Ter ideias criativas
é a nossa diversão.

Dica CACIM: Alguns cuidados podem evitar as doenças típicas do verão

21 de janeiro de 2013 Por elevare em Blog
Calor

Na praia ou piscina não descuide da saúde para não estragar as suas férias.

O período de férias e veraneio é marcado por muita diversão, praia, sol e calor, mas não é difícil encontrar alguém que traga histórias de imprevistos com saúde nas férias de verão. Micoses, alergias e intoxicação alimentar são alguns dos problemas mais comuns nesta época do ano. Algumas dicas são importantes para deixar essas e outras doenças bem longe.

Estirar-se o dia inteiro na areia ou na piscina pode ser relaxante, mas não fique muito tempo sem tomar uma boa ducha para prevenir-se contra a famosa micose de praia (a pitiríase versicolor, conhecida também como “pano branco”). Essa micose é causada por um fungo e só se desenvolve na pele do corpo se encontrar ambiente favorável, ou seja, oleosidade. O famoso “pano branco” não é contagioso e se manifesta por meio de manchas brancas ou avermelhadas que aparecem na região superior do tronco e podem chegar até a altura da cintura. O tratamento deve ser feito por um médico.

É bastante comum também as micoses nos pés, como pé de atleta ou frieira. Neste caso a principal causa é a proliferação de fungos que se alimentam de nossa queratina em ambientes com alta rotatividade, como banheiros, vestiários, hotéis e saunas. É importante usar sempre chinelo nesses ambientes, enxugar bem os pés e entre os dedos (se necessário, use um secador de cabelos) e não usar meias ou calçados de outras pessoas. Prefira calçados que ofereçam boa ventilação dos pés e lave bem os dedos quando sair da praia ou piscina. Se perceber fissuras entre os dedos, descamação na planta dos pés ou manchas esbranquiçadas, procure um dermatologista.

Outra patologia bastante comum nesse período do ano é o chamado bicho-geográfico, causado pela presença  de muitos cachorros na praia. A doença é causada pela larva migrans, presente nas fezes de cães, e o contato da pele com a areia contaminada pode levar à inflamação que causa os conhecidos desenhos nas plantas dos pés e muita coceira. A recomendação é não levar os animais de estimação à praia, mas se optar por leva-los, tome conta e recolha as fezes do seu cachorro. Se perceber uma população maior de animais sem dono na praia, mantenha-se sempre calçado.

Confira outras dicas importantes para evitar as doenças típicas do calor:

- O uso do filtro solar e de hidratante, após a exposição ao sol evitam manchas na pele;

- Vai preparar caipirinha? Cuidado com o suco de limão. Em contato com o sol, pode causar queimaduras, manchas na pele e até bolhas.

- Evite alimentos ou substâncias que já tenham causado alergia, como frutos do mar ou amendoim;

- Quem tem alergia a esmaltes, desodorantes e níquel (presente em brincos e pulseiras) deve evitar essas substâncias, especialmente no sol;

- Se estiver com alguma reação alérgica na pele, evite a exposição solar;

- Cuidados com as refeições compradas em barracas de praia. Se não consegue ver a cozinha, geladeira, ou lugar onde os alimentos estão armazenados, melhor não arriscar;

- Quando for cozinhar, lave bem as mãos para não contaminar alimentos e evite deixar ingredientes perecíveis fora da geladeira por muito tempo.

Outras dicas: www.cacim.com.br

Matriz: 84.3323-8800